Domingo, 31.10.10

Não há festa mas há viagem

Hoje, o belo dia das bruxas. O dia inesperado dos meus amigos. Mas tristes estão eles porque este ano não fiz festa de Halloween. E ficaram mesmo revoltados. Fui fazer um passeio a Ponte de Lima, e gostei imenso. Fui ao arraial, parecia um parque temático só que em vez de ter montanhas russas tinha comida. Comi sardinhas à mão ( além de eu não costumar comer sardinhas e muito menos à mão) começou a doer-me a garganta porque só engoli espinhas (esperteza minha) e o champorreão (uma mistura com cerveja, champanhe e açúcar) era óptima! Fui ver o festival internacional de jardins e fartei de tirar fotografias. Com a máquina sempre à mão, ainda perguntaram-me se era uma fotografa qualquer.

Posso não ter feito uma festa de Halloween, mas passei por várias experiências, valeu a pena.

publicado por Ynnêz às 22:50 | comentar | ver comentários (3)
Quinta-feira, 28.10.10

Quem me dera...

que esta música fosse música ambiente em todo o mundo. Amava.

publicado por Ynnêz às 18:06 | comentar | ver comentários (2)
Quarta-feira, 27.10.10

Nestes dias no meu mundo

Estes foram os dias em que estive a sonhar. A reflectir, desligada ao mundo inteiro. Contudo, com a cabeça no ar, esqueço de tudo o resto. Um barulho mínimo de um objecto, pessoas, até uma brisa que passa entre os meus cabelos, não consigo ouvir. Desligo-me, apenas. Estou na outra onda, com o cheirinho que mais gosto, ao som da música. Penso enquanto a música da minha cabeça se está a reproduzir. "Aquele retrato, aquela personagem, olha para mim, a sua ternura e a beleza do olhar põe-me internamente feliz comigo mesma. Alegra a minha alma que nela instalou uma estranha tristeza, pesada, cheio de dores insuportáveis. Olha para mim, esqueço-me de tudo, é como não acreditar que é real, é como eu quisesse de ter o retrato e não poder tê-lo, é algo demasiado bom para ter. Tenho aquilo que tenho. Um retrato, uma personagem. Mas trata-se de uma pessoa." A música pára quando alguém ralha comigo. Pará o meu pensamento. E volto ao mundo. Mas não queria voltar. Nunca.

publicado por Ynnêz às 09:10 | comentar | ver comentários (3)
Segunda-feira, 25.10.10

Photo Blog

Gunpowder Life


(Dizem que preferem este blog)

publicado por Ynnêz às 20:56 | comentar | ver comentários (7)
Quinta-feira, 21.10.10

Desconheço-me

Dei por mim, que muita coisa mudou. Que o tempo passou e eu, mudei sem dar por isso. Bem que os meus amigos dizem que estou diferente. E no que dizem é no bom sentido.

- A minha irmã já está uma mulher, Snif!

Disse o meu irmão.

 

Dei por mim, que sou capaz de superar tudo.

E o esforço, é o que vale mais.

 

<object width="480" height="385"><param name="movie" value="http://www.youtube.com/v/9HPo0ZsQzGw?fs=1&amp;amp;hl=pt_BR"></param><param name="allowFullScreen" value="true"></param><param name="allowscriptaccess" value="always"></param><embed src="http://www.youtube.com/v/9HPo0ZsQzGw?fs=1&amp;amp;hl=pt_BR" type="application/x-shockwave-flash" allowscriptaccess="always" allowfullscreen="true" width="480" height="385"></embed></object>

publicado por Ynnêz às 22:06 | comentar | ver comentários (3)
Segunda-feira, 18.10.10

Problema

Acho que vou mudar o nome do blog (logo este deixa de existir). Estou farta de Ynnêz e quero um nome inteligente para o blog. Porque aliás o próprio nome já é um bocado infantil... Têm ideias?

publicado por Ynnêz às 16:42 | comentar | ver comentários (7)
Quarta-feira, 13.10.10

A magreza no ballet

Vejo sempre nos vídeos, ou até mesmo na vida real, bailarinas muito magras, questiono-me sempre se eu deveria ser assim. Meço 1,73m e peso 63,3 kg e eu estou a ficar doida nas dietas porque sou muito gulosa. Mas como quero levar o ballet a sério, não sei se deveria ter mesmo corpo de bailarina.

Eu pesquisei na internet sobre isso, para informar-me melhor.

 

Uma bailarina tem que ser magra?
Infelizmente o ballet clássico, por suas origens e exigência técnica e estética, trabalha com o estereótipo da magreza. Embora muito a respeito já tenha sido debatido por vertentes menos rígidas da dança, como a dança contemporânea, no ballet este factor ainda é bastante relevante.Entretanto o talento artístico,o que inclui sensibilidade, facilidade corporal,dedicação; nem sempre estão associadas com a magreza; que por si só também não produz uma grande bailarina.
Se a intenção da é ser uma bailarina profissional e entrar numa companhia, é certo de que este factor irá pesar em seu futuro. Mas isso não impede de ninguém que se considere acima do peso, aprender e dedicar-se à  esta arte.

(Retirado na internet)

 

O que acham?

 

publicado por Ynnêz às 18:27 | comentar | ver comentários (22)
Terça-feira, 12.10.10

...

Quero renascescer nas minhas cinzas, quero ter um novo olhar perante das pessoas. Quero inovação.

publicado por Ynnêz às 20:52 | comentar | ver comentários (7)
Segunda-feira, 11.10.10

My photos, my vision

 

 

 

 

 

publicado por Ynnêz às 18:07 | comentar | ver comentários (6)
Domingo, 10.10.10

A dor que há em mim.

Ao passar do tempo, descubro coisas horríveis dentro de mim. Acabo por perguntar-me " O que hei-de fazer? Porque sou assim? Haverá algo errado comigo?". É como sentir perdida no meio da multidão, sem saber o que fazer. Tudo tão negro, tudo tão feio, não sei por onde começar nem por onde acabar. E nesse tempo pensei que estava bem comigo própria, mas no fim, acabei por ver, que estou pior daquilo que já estava. É como eu quisesse impor regras rígidas para eu ser alguém como eu gostava de ser..."Tens que reagir assim! Não, nada disso, estragaste tudo", " Faz alguma coisa, não fazes nada!", " Que estás a fazer? É assim que queres ser?" " Sua estúpida, sê inteligente", "não tens vergonha de seres assim!?". São as vozes que oiço dentro da minha cabeça durante o dia inteiro.

publicado por Ynnêz às 19:00 | comentar | ver comentários (4)

pesquisar neste blog

 

posts recentes

♥Blogs

arquivos